26.10.15

Calçados Infantis - como escolher o mais adequado

Olá meninas!

Muitas vezes sofremos para encontrar um calçado confortável para nós, não é mesmo?
Temos que provar alguns pares para chegar no calçado ideal que é nada mais nada menos, que aquele calçado que não vai nos fazer sofrer... um sapato que não aperte, não fique folgado, que o pé não escorregue para a frente, não comprima dedos e calcanhar... 

Agora, se é difícil encontrar um calçado perfeito para nós mesmas, imagine para nossa criança, principalmente as pequeninas que ainda não sabem dizer onde está incomodando e o que estão sentindo.

Para facilitar nossas vidas, trouxe dicas de especialistas que podem muito ajudar na hora de calçar nossos pimpolhos, vamos ver?!


Como Escolher O Calçado Certo Para Seu Filho?

O modelo errado pode provocar bolhas, dores musculares e até sobrecarga nas pernas e joelhos.

Fechado, aberto, básico, estampado... são tantos modelos de sapatos disponíveis no mercado infantil que fica até difícil escolher. Mas você sabia que, além da beleza, o sapato precisa ser principalmente confortável, funcional e saudável para o crescimento de pequenos pés? Com a ajuda do ortopedista Marco Aurélio Neves, do Hospital São Camilo (SP), veremos tudo que é importante saber na hora de comprar calçados para os filhos.
Escolha chinelos e sandálias de acordo com a idade da criança. Quanto mais nova for a criança maior será a necessidade das sandálias e chinelos possuírem correias para que fiquem bem presas nos seus pés. A ausência dessas correias nos pés das crianças muito pequenas pode ocasionar quedas, pois esses sapatos ficam soltos dificultando o caminhar, isso pode proporcionar machucados e tombos mais sérios.
Os sapatos fechados como tênis e botas devem ser um pouco folgados, mas não exageradamente. Sapatos apertados podem provocar o estreitamento dos membros, podendo ocasionar calos e bolhas. Sapatos muito folgados podem fazer com que os pés deslizem dentro do calçado, provocando desconforto e prejudicando o andado da criança, proporcionando problemas futuros. Escolha sapatos adequados com a idade da criança. Permita que elas participem das escolhas e mantenha cuidados com cores e formatos, pois há sapatos inapropriados que são produzidos para o público infantil. Por isso, escolha o modelo ideal para não causar problemas para as crianças

- O primeiro sapato
Antes de um ano da criança, época em que ela começa a arriscar os primeiros passos, o sapato só serve mesmo para esquentar e proteger. Nos meses iniciais de vida, os pés têm muita cartilagem e são extremamente sensíveis, por isso, sapatos muito rígidos podem comprimir ou causar desconforto ao bebê. Opte por modelos leves, mais parecidos com meias.

- Solado resistente
A sola do sapato deve ser ao mesmo tempo resistente e flexível para acompanhar os movimentos dos pés. Isso significa que você deve evitar tanto os modelos com borracha grossa quanto aqueles muito fino que quase não oferecem amortecimento entre o pé e o chão. Como os pés são a base de sustentação do corpo, uma sola ruim pode causar a longo prazo sobrecarga para joelhos e coluna. Crianças que praticam alguma atividade física precisam de sola com amortecedor de impacto. 

Outro ponto a se observar é a existência de ranhuras. Quanto mais, melhor, uma vez que facilitam o atrito com o chão e evitam quedas e escorregões. Só não se esqueça que o conforto é fundamental para o desenvolvimento saudável dos pés.


- Material leve

Deixe os modelos de couro, plástico e verniz para as ocasiões especiais. No dia a dia, o ideal são os tipos feitos de camurça, tecido, nylon ou lona. Além de mais flexíveis, são – ótima notícia! – mais fáceis de limpar.



- Andar descalço

Muitos pais não gostam que a criança ande descalça. O especialista defende justamente o contrário. O contato com vários tipos de solo – gelado, quente, de terra, com grama – é um ótimo exercício para a sensibilidade da criança, já que os pés são cheios de pontos sensíveis. Sentir as diferenças de temperatura e textura dos locais onde pisa pode ser um exercício de autoconhecimento também, já que a criança começa a descobrir o que gosta ou não gosta de sentir. Mas atenção: antes de sair arrancando os sapatos do seu filho, sinta o espaço por aonde ele vai andar. Veja se está muito quente do sol, se tem espinhos (em caso de grama) ou se há vestígios de cacos de vidro.

- Um número a mais
A preocupação com a compressão dos pés é fundamental em qualquer fase da vida. Os pais precisam lembrar que os pezinhos crescem rápido demais e, dali dois meses, o sapato que ficava ótimo não vai servir mais. A dica do especialista é comprar um número maior, desde que ele não saia dos pés na hora de andar. Além de durar por mais tempo, fica mais levinho para a criança. 



- Calcanhar resistente

A maioria dos calçados tem um reforço atrás do calcanhar chamado de contraforte. O ideal é que essa seja a parte mais reforçada da peça. Como até os 5 anos a criança está em fase de intenso desenvolvimento motor, o contraforte precisa ser resistente para ajudar a estabilizar os pés, evitando que eles virem para dentro ou fora. Os modelos feitos de tecido são confortáveis, mas pecam nesse ponto. Quando for comprar um sapato para o dia a dia, observe e apalpe bastante o contraforte para se certificar de que ele ofereça firmeza à passada (e seja macio para não ferir o calcanhar).

- Cada um com o seu

É comum a família reaproveitar nos mais novos os sapatos dos filhos mais velhos. A prática, no entanto, não é aconselhada. Cada pessoa tem um tipo de pisada que é só seu e, com o uso, ela imprime sua forma no sapato. Herdar uma peça que já está marcada por outra pisada pode gerar problemas como desconforto, bolhas e unha encravada.

- Cuidado com a moda
O mercado oferece opções tão variadas que é quase impossível ficar imune aos modismos. Por mais irresistível que seja, vale o cuidado de não comprar o sapato só pela beleza. Uma escolha errada pode afetar a mecânica dos pés e gerar dores musculares, unha encravada, bolhas ou até mesmo encurtamento de tendões. Guarde os modelos mais estilosos para as ocasiões especiais, como passeios e festas. E não se esqueça: evite salto!
Na infância, ele não pode passar os dois centímetros. “Essa altura de salto é até benéfica desde que o calçado seja flexível respeitando a anatomia de movimento dos pés, permitindo uma mobilidade natural ao caminhar”.


- Higiene sempre
Criança transpira muito. Para evitar fungos e chulé, opte por modelos mais arejados e leves. É muito importante guardar os sapatos limpos. Além do pano úmido, uma boa dia é utilizar um pouco de bicarbonato de sódio dentro da peça. Jogue um punhado dentro do sapato, espere 24h e, depois, tire com um pano. Isso vai evitar os fungos.

  • Quando comprar os sapatos, leve o seu filho e experimente sempre nos dois pés.
  • Não tente prolongar a vida dos sapatos do seu filho. Ele está a crescer e comprar sapatos frequentemente vai ser inevitável…
  • Verifique periodicamente os sapatos do seu filho para se certificar que ainda servem e que não apertam o pé.
  • Convém não calçar o mesmo par de sapatos 2 dias seguidos. Alternar o calçado garante que os pés andam secos e confortáveis e permite “arejar” o outro par.
  • Evite vestir meias muito apertadas em seu filho (o que dificulta a circulação sanguínea) e seque muito bem a pele entre os dedos dos pés para evitar que fique úmida (ambiente propício ao desenvolvimento de bactérias nocivas e fungos).
Sandálias e chinelos duros, sem flexibilidade e com materiais de má qualidade causam uma má experiência para a criança, que acaba tirando o sapato e se recusando a colocar de novo. O plástico, por exemplo, apesar de ser um material barato, ocasiona bolha e chulé. O material dos calçados precisa proporcionar a transpiração dos pés. O couro de boa qualidade é ideal para sapatos infantis. Um bom forro no sapato também evita machucados. (matéria tirada do Google)
E agora que sabemos como escolher o calçado ideal, acessem a Fort Calçados para escolher os lindos modelos infantis e aproveitar os preços super em conta para presentear a criançada!

Gostaram das dicas meninas?
Bjus, Bjus!!

17 comentários:

  1. Ameeei o post! Muito bem explicado! Quando eu tiver um filho agr já sei como escolher ahah

    um beeijo bonitaa ♥

    E aí, Bonita!

    ResponderExcluir
  2. O post ta muito detalhado, ótimo para quem já tem filhoo ou algum parente próximo que é mais novo

    Beijos, Love is Colorful

    ResponderExcluir
  3. eu tenho uma sobrinha pequenina , e acho que este post é muito útil para ajudar muitas mães.
    gostei do seu blog , boa sorte :)

    Kiss Jasmim**
    http://jasmimlifestyle.blogspot.pt

    ResponderExcluir
  4. Mesmo não tendo filhos achei super legais as dicas, eu não saberia escolher, erro até pra mim, rsrs todo sapato que escolho me machuca. Beijsss

    http://dicascoisasdemulher.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Postagem maravilhosa amei as dicas , tenha uma semana abençoada.
    Canal:https://www.youtube.com/watch?v=EgeQXJjUpSQ
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Olho cada um desses detalhes, nossos pequenos merecem todo cuidado. Parabéns pelo post. Amei.

    www.assuntosdemulheres.com

    ResponderExcluir
  7. Olá Bonequinha do Senhor! Como vai você? Vim agradecer a sua carinhosa visita! Gostei das Dicas sobre os Sapatinhos Fofos!!! Beijos e fique com Deus! Tem Post Novo!

    ResponderExcluir
  8. Muito boas as tuas dicas,gostei imenso da tua postagem,muita informação a reter,que perfeição!! Maravilhosa semana!!

    ResponderExcluir
  9. Está ai uma coisa que preocupa e muito, principalmente para quem tem menina. Sabe porque?
    Uma infinidade de sandálias e sapatilhas de diferentes materiais. Para todos os gostos e bolsos, mas qdo percebo as meninas andando vejo que muitas não estão confortáveis nos calçados.

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  10. Achei as dicas ótimas.
    Ta ai uma coisa que eu não saberia qual comprar, o primeiro calçado.
    Gostei das dicas.
    Beijos!

    Blog Pam Lepletier

    ResponderExcluir
  11. Muito legal essas dicas, vou mandar o link para a minha amiga ver.
    Bjus
    Jaque
    www.quebreiaregra.com.br

    ResponderExcluir
  12. Não entendo muito sobre sapatos infantis, mas suas dicas foram ótimas! :D
    Bisous,
    Julie | http://www.juliechagas.com/

    ResponderExcluir
  13. que post interessante Aline, super completo e bem informativo, parabéns
    bjs

    ResponderExcluir

Seja bem vindo(a)! Obrigada por deixar seu comentário!
Espero que vc se sinta confortável em meu blog!!
Todas as perguntas serão respondidas nos coments do post correspondente.
Se seguir o blog, avise-me que seguirei de volta.
Retribuirei todas as visitas!
Aceito elogios, sugestões e respeito.
Voltem sempre!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...